flor-sakura-cerejeira

Festival da Cerejeira, Sakura Matsuri e Hanami 3


Compartilhe

Sakura Matsuri – Festival da Cerejeira

flor-sakura467x315No Brasil, nos meses de Julho e Agosto, desabrocham as flores da Cerejeira, conhecidas, também, como Sakura. As copas das árvores e o chão ficam abundantemente cobertas de flores, um quadro de beleza ímpar que nos remete sensação de paz, tranquilidade, serenidade e contemplação. É a oportunidade para visitar o Sakura Matsuri ou o Festival da Cerejeira no Brasil.

Hanami

É este momento de beleza e serenidade que faz inúmeras pessoas a admirar a paisagem de Cerejeiras em flor. No Japão, essa atividade se chama Hanami (花見) – Hana (flor) e Mi (ver, olhar)Contemplar as flores. Quando as Cerejeiras atingem a plena floração, o que se dá no início da primavera, acontece esta tradicional celebração japonesa, que consiste na contemplação da flor Sakura, símbolo nacional japonês, da cerejeira Prunus serrulata. A árvore da cerejeira é considerada pelos japoneses, símbolo de longevidade e sabedoria.

Curiosidade

A cerejeira mais antiga do Japão – Jindaizakura, com dois mil anos de existência, é especialmente cuidada, com uma estrutura que ajuda na sustentação de seus galhos. A cerejeira Jindaizakura está na cidade de Hokuto, província de Yamanashi, que concentra outras 60 árvores centenárias.


O costume do hanami remonta o período Nara (710-794), quando o Ume era a flor admirada. Já no período Heian (794-1185) a flor Sakura é que ganhou destaque e se tornou, até os dias de hoje, o centro das atenções da Festa da Cerejeira ou Sakura Matsuri, que acontece em todo o Japão, bem como em muitos lugares do mundo.

Flor de Ume

flor-ume467x315O Ume, Prunus mume, é conhecido como Ameixa Chinesa ou Damasco Japonês, e cuja flor é geralmente chamada de flor de ameixa. O ume dá um fruto parecido com um pêssego miniatura. É apreciada na culinária oriental, o fruto do ume é utilizado em sucos, como um condimento com álcool (umeshu), como picles e em molhos. É também usado na medicina tradicional.

O Sakura Matsuri, originalmente, era uma festival para comemorar a colheita, anunciando a estação de plantação de arroz. Nestas ocasiões, as cerejeiras em flor ofereciam sua beleza, banquetes eram organizados sob suas copas, regados a saquê e iguarias preparadas com muito esmero, como o dangô e o bentô.

Este ambiente florido de cerejeiras propiciava, também, aos apreciadores da arte de escrever, de expressar em poemas um paralelo entre a exuberância e a efemeridade da flor e a transitoriedade da vida. As flores de sakura, por durarem apenas duas semanas, mostravam assim que, como na vida, as coisas são passageiras mas são muito intensas, que devem ser aproveitadas ao máximo em seu período de vigor e de cultivar a gratidão pelo que a natureza e a vida nos oferecessem.

Floração

A período de florescimento da cerejeira no Japão é estimada por agências privadas, antigamente sob cuidado da Agência Meteorológica. A floração segue do sul para o norte do país e é acompanhada pelos jornais e canais de televisão. Hoje em dia, com o uso da tecnologia, aplicativos ajudam a acompanhar os períodos de floração, que é influenciada pelos efeitos da pressão atmosférica nas pétalas das flores de Cerejeira.

Cerejeiras

De seus galhos finos, flores brancas e rosadas oferecem um espetáculo indescritível destas árvores de pequeno a médio portes chamadas Cerejeiras. Um tapete de flores se forma no chão quando o vento bate em suas copas. Delicados e românticos momentos nascem nestes bosques de beleza e ternura, casamentos são realizados, poemas são lidos, corações e almas se enchem de bons sentimentos e o espírito é renovado.

Os hotéis oferecem pacotes especiais, os restaurantes capricham na decoração e o turismo é aquecido para ver este maravilhoso momento da natureza. Muitos estrangeiros escolhem este período da primavera no Japão, de março a maio, para apreciar in loco e vivenciar a experiência única de ver as cerejeiras em flor, apreciar o Hanami.

Esta paixão pode ser acompanhada onde houver cerejeiras em flor, mas existem alguns lugares especiais:
-Parque Ueno-Koen e Shinjuku – gyoen, em Tokio
-Parque Nacional Yoshino-Kumano, em Nara
-Maruyama- Koen e Templo Daigo-ji, em Kyoto

Cerejeiras no Brasil

Aqui no Brasil, desde 1978, o Hanami está bem representado em São Paulo, no Parque do Carmo, Itaquera, zona leste. Entre Julho e Agosto, 4000 pés de cerejeiras florescem no local propiciando um espetáculo que atrai milhares de visitantes. O idealizador deste projeto, o imigrante Hisayoshi Kataoka, trouxera, inicialmente, 500 mudas do Japão e tornou-se marca da comunidade nipônica que vive na cidade; um trabalho que contou com ajuda da Prefeitura de São Paulo e do Consulado do Japão. Agende este exuberante passeio e veja pessoalmente as copas de cerejeiras floridas e no chão o manto formado pelas flores carregadas pelo vento. A plantação de Cerejeiras no Brasil ocupa o segundo lugar, atrás apenas dos Estados Unidos.

Durante a Festa da Cerejeira – Sakura Matsuri, participando do Hanami, se uma pétala da flor de Cerejeira – Sakura cair em seu chá, significa que você terá muita sorte em sua vida.

flor-sakura467x315Saiba mais

Federação de Sakura e Ipê do Brasil

Veja os eventos Festival da Cerejeira ou Sakura Matsuri

 

Compartilhe